terça-feira, 5 de dezembro de 2006

Por todo o mundo...

Eu fico no meu cantinho, quase pasmada, olhando no mapa os pontinhos verdes ou vermelhinhos daqueles que acessam o meu blog e, humildemente pensando: meu Deus! Que coisa fantástica!

De tantos lugares por esse mundo afora tenho sido lida. E me pergunto: será que o que tenho difundido é digno de ser lido?

E faço verdadeiras viagens, quando tenho tempo, na imaginação...

Fico me vendo passear pelo Porto, em Portugal. E tomando ao vivo e a cores o seu famoso vinho.

Em Guarapuava, no Paraná. Lugar de onde também não havia ouvido falar. O que teria por lá? Quais seus pontos turísticos? Qual sua beleza e encanto? Quais as dificuldades enfrentadas? Do que se sofre? Por que se vive por lá?

Também penso assim sobre Uberlândia.

Rio Branco.

Brasília. Além dos palácios. Aquela cidade imensa. Capital de nosso País Brasil... Tão longe. Tudo tão distante lá dentro. As edificações de Brasília se parecem com brinquedinhos. Tudo parece tão próximo. Mas nunca tente ir de um canto a outro a pés só porque, de onde você está, pareça ser pertinho. Tudo lá é muito longe mesmo!

Colombus (EUA). Muito frio? O que ocorre nesse lugar?

Em Porto Velho. Nossa Senhora do Socorro, em Sergipe. Curitiba... Cascavel. Badswortr (Sei que é na América do Norte, mas nunca tinha ouvido falar desse lugar).

Já morei um tempinho em Belo Horizonte, aqui no Brasil. E tem gente de lá também lendo meus textos. Rs.

Pinheira, em Santa Catarina.

Penso como deve ser a vida no Balneário de Cambuí, em Santa Catarina.

Niterói... Cheguei a passar pelo litoral, quando atravessei a ponte de navio. Mas não foi possível pisar nessa cidade de nome tão romântico.

Pedra Azul. Pelo nome... Quero ir lá!

Alguém poderia, por favor, me falar um pouco sobre esses lugares todos?

É muito muito bom viajar pelo mundo sem sair do lugar. Todavia, confesso minha vontade de sair conhecendo pessoalmente todos esses lugares e pessoas.

1 Comentários:

Anonymous Álvaro disse...

Olá Ieda,
"caí", por casualidade, no seu blog. A web tem destas coisas, faz-me lembrar a consulta de uma enciclopédia, vamos sempre dar num sítio que, à partida, nem imaginavamos - as ligações entre temas vão-nos levando sempre cada vez mais distante do tema original e o fascínio de cada novo tema vai desviando a nossa atenção do objectivo inicial...
Estava no Google pesquisando um tema (no caso, viagens baratas de Lisboa para Salvador, Baía), fui dar no blog do seu namorado (a propósito de uma deslocação turística que vcs fizeram a Salvador) e... desse blog para este foi um passo.
Mas gostei da sua abordagem dos diversos temas que vai tratando de uma forma leve mas acutilante.
Ah, a propósito, sou português (isso já deve ter sido evidente pela grafia de algumas palavras...) e até achei engraçada a sua citação do Fernando Pessoa, não pelo facto em si mas pela frase, que deve ter sido uma das mais desinspiradas do poeta. Que, embora muita gente nem saiba, foi publicitário (criativo) numa fase da sua vida e autor de uma frase promocional da Coca-Cola: "primeiro estranha-se, depois entranha-se". Esta, a meu ver, realmente original e criativa.

1 de março de 2007 09:13  

Postar um comentário

<< Home